19.10.13 • Em Autoestima, Saúde

Sejamos sinceros: olhar para o espelho e sentir-se insatisfeito abala a nossa felicidade. Autoestima é algo que importa e afeta intensamente nossas emoções. Por mais que tentemos não nos apegar tanto à beleza exterior e dar mais valor ao nosso interior, gostar de si mesmo é importante. Todos nós temos pelo menos uma característica que não gostamos na nossa aparência. Alguns não gostam do próprio cabelo, outros têm problemas de pele, são baixos ou altos demais, têm orelha de abano, ou outros inúmeros defeitos, mas, com certeza, quem ganha disparado a disputa de mais comum descontentamento é ela: a forma física.

Engana-se quem acha que só os que estão acima do peso é que se preocupam com isso. Os magrinhos que não conseguem engordar também sofrem e, até aqueles que estão dentro do peso ideal, se você questioná-los sobre o assunto, perceberá que eles também conseguem encontrar motivos para reclamar. O fato é: ainda não inventaram o transplante de corpo e você vai passar a vida inteira aí dentro desse mesmo. Sim, ele pode ser moldado se você quiser. Mas antes de mudar sua alimentação, entrar na academia ou procurar um médico, você precisa primeiro parar de odiar quem você é e aprender a se amar. Algumas coisas podem ajudar:

cd78729846c6ea7faf7001186094c7e6

Avalie sua saúde

Antes de qualquer coisa, você precisa verificar se está tudo certo no seu organismo. Como você se sente? Tem dores constantes em algum lugar, está frequentemente cansado? Ir ao médico e fazer exames é fundamental para saber se você precisa mudar seus hábitos, emagrecer, engordar, melhorar a ingestão de vitaminas ou fazer algum tratamento específico. O fato de você não ter o corpo “ideal” não significa que há algo errado com sua saúde, mas casos de obesidade, anemia e outras doenças precisam ser tratados. Saber que está tudo certo com você é uma ótima maneira de começar a fazer as pazes com seu corpo, agradecendo por ele estar em perfeitas condições. Saúde em primeiro lugar sempre, porque sem ela não há corpo bonito que garanta a felicidade.

Troque as revistas por blogs

Você já viu uma capa de revista com alguém “real”? Sem photoshop, com defeitinhos na pele e um ou dois fiozinhos de cabelo fora do lugar? Compare o que é mostrado nos veículos impressos com o que você vê em blogs na internet, principalmente os relacionados a beleza, maquiagem, moda e de profissionais que colocam imagens e vídeos de si mesmos para passar conteúdo. Claro que há blogueiros que usam ferramentas para melhorar as fotos, que seguem o padrão de beleza da sociedade ou só mostram suas qualidades. Mesmo assim, na blogosfera você com certeza encontrará muito mais exemplos reais do que nas revistas de moda e celebridades. Nem todos têm barriga chapada, sorriso perfeito e pele bronzeada mas nem por isso as pessoas deixam vê-los como referência de beleza. Procure e selecione alguns blogs legais para acompanhar e faça deles a sua inspiração.

dove5Use o que te faz feliz

Você prefere vestidos justos ou camisetas largas? Listras horizontais ou verticais? Salto alto ou tênis? Seja qual for a sua preferência, faça o favor de usar aquilo que você tem vontade! Ninguém tem nada a ver com isso e deixar de usar algo que te faz feliz por causa da opinião dos outros é desperdiçar a sua felicidade!

Confesso que eu até acho divertido assistir a programas do tipo Esquadrão da Moda, mas me incomoda ver o participante ser obrigado a usar coisas que não têm nada a ver com o estilo e a vida dele. Em todos os programas fica claro que as pessoas não estão felizes e não se sentem bem nas roupas que os obrigam a usarem. Não acho ruim receber um toque de um amigo com a intenção de ajudar a melhorar, mas quem dá a palavra final tem sempre que ser você. Chique, brega, bonito e feio são só conceitos, não baseie sua felicidade nisso.

Só mude se VOCÊ quiser

Quem manda no seu corpo é você, não as pessoas ou a mídia, apesar de ambos acreditarem no contrário. Você pode muito bem estar feliz no seu peso acima ou abaixo do padrão e ninguém pode te tirar o direito de continuar se sentindo assim. Nunca mude por obrigação ou pressão dos outros. Não sou contra fazer esforços e lutar para melhorar a aparência, mas isso tem que partir de dentro, não de fora. Você pode mudar sim, mas só se a pessoa que mais quiser isso for você.

rbk-swimsuit-guide-0613-1-xln

Valorize-se

Nada de andar de cabeça baixa e se esconder do olhar dos outros. Postura, cabeça erguida e amor próprio deixam qualquer pessoa mais bonita. Tenha consciência dos seus pontos fortes e orgulhe-se muito, mas muito mesmo deles! Quanto aos seus defeitos, não dê tanta importância e não sinta vergonha. Se procurar bem, garanto que você encontrará imperfeições em qualquer pessoa, seja o pé feio, a barriguinha, o culote, braços finos, celulite, estrias…por que só você não poderia ter?

Priorize a felicidade

O que é mais importante: ser feliz ou ter o corpo perfeito? Se você precisa abrir mão de muitas coisas que te fazem feliz e, ainda por cima, trocá-las por coisas que não gosta, talvez esteja priorizando a coisa errada. Claro que dá pra melhorar fazendo algumas mudanças que são, inclusive, importantes para a saúde, e isso não significa que você será infeliz. Quem faz ou já fez reeducação alimentar (posso falar porque já fiz) sabe que não existe melhor maneira de mudar a vida, a saúde e o corpo para melhor. A atividade física também é uma grande estimuladora de felicidade, mas se você odeia academia e passa horas todos os dias dentro de uma, ou é uma pessoa que adora cozinhar, aprecia comer coisas diferentes e resolveu fazer a dieta da Deborah Secco porque quer ter o corpo dela, talvez esteja no indo em direção contrária à sua felicidade. A vida é muito curta para nos privarmos do que nos faz felizes e perdermos nosso precioso tempo fazendo algo que não nos dá nenhum prazer.

Fotos: 123

Curta o Desassossegada no Facebook para acompanhar todos os posts e novidades do blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Postado por Stephanie Gomes

Comente usando seu Facebook





4 Comentaram para “Faça as pazes com o seu corpo!”


G
1. Bruna Antunes Soares
26/08/2015 às 23:26

Oi boa noite.. Gostaria de saber como vc faz para utilizar as fotos de outros sites em seu blog. Tenho mts duvidas a respeito. Obrigada. Parabéns pelo trabalho, admiro muito. bjs


G
2. Stephanie
27/08/2015 às 23:07

Oi Bruna!

Eu sempre coloco os créditos no final do post, mas também é fácil encontrar na internet sites com fotos legais que podem ser usadas sem problemas. Dá uma olhada nesse post aqui: http://sernaiotto.com/2015/06/23/imagens-para-seu-blog/

Beijos!


G
3. Camila
31/08/2015 às 01:12

Nossa ,seu blog é muito incrivel mesmo .Parabéns ,esse post ficou 10 assim como todos os outros .Estou passando por muitos conflitos internos (sim,é a adolensencia rsrs)e a aparencia fisica é o que mais me incomoda (magrela rsrs)Mas é seu blog é que tem me ajudado a perceber quem realmente sou e o quanto quero mudar muita coisa …Obrigada por fazer um blog tão incrivel assim…Por favor não pare..Bjs


G
4. Stephanie
31/08/2015 às 20:17

Oi Camila!

Que bom que consigo te passar coisas boas! Sobre o que você falou, recomendo que leia esse texto sobre autoestima: http://www.girlswithstyle.com.br/ter-amor-proprio-e-autoestima-significa-nao-querer-mudar-nada-em-voce/

Espero que goste!

Beijos



Comentar

Nome:

Email:

Site/Blog: